Revista JP

Casa Haut: uma viagem pela história, com produtos que traduzem o melhor da nossa região

Loja reabre uma das construções mais queridas da Rota Enxaimel e da cidade de Pomerode

17 de julho de 2022

Foto: Isadora Brehmer/JP

Quem passa pelo bairro de Testo Rega, na entrada para a Rota Enxaimel, já percebeu que a Casa Haut está novamente aberta ao público, depois de 10 anos fechada. Isso porque, uma das construções que mais tem o carinho do povo pomerodense é, agora, um novo empreendimento, com uma nova ideia.

O local foi reinaugurado, após a restauração, no dia 1º de julho. A proprietária Juliana Schnorr e o gerente Antonio Ricardo da Silveira, que agora atendem também na Casa Haut, destacam a admiração pela construção, logo quando a conheceram.

“Nós tínhamos o objetivo de expandir a marca e ter uma loja, também, próxima à Rota Enxaimel. E conversando com pessoas que conhecem a região, enquanto procurávamos um local para a loja, nos falaram sobre a Casa Haut. Recebemos o contato da arquiteta responsável pelo projeto de restauração da casa e fizemos uma visita, com ela, à Casa. Logo que a conhecemos, nos surpreendemos com o que encontramos, e havia aquele sentimento de nostalgia, que nos conquistou”, afirmam.

A Casa Haut havia sido comprada e restaurada pela empresa Gold Sea, do empresário Alexandre Caiado, e, a gerente e a proprietária da Rota da Linguiça apresentaram a proposta de uma unidade seguindo a linha da marca, na Rota Enxaimel, ao atual proprietário do prédio. Este, por sua vez, aceitou a ideia, pelos moldes do empreendimento, e fecharam a parceria para o uso da Casa Haut com a loja com conceito da Rota da Linguiça.

“Durante esta negociação, começamos a pesquisar sobre a história da Casa Haut, que era como um armazém, no passado e tinha diversas atividades. Havia o moinho de milho, fábrica de queijo, açougue de linguiça e até criavam porcos, no terreno aos fundos da construção. Também pesquisamos sobre a história da família Haut, que é uma casa de 1903, e graças a toda esta riqueza histórica, decidimos manter o nome da Casa Haut no estabelecimento, como forma de preservar essa trajetória, que tanto representa para Pomerode”, destacam.

A Casa Haut oferece produtos artesanais, feitos no Vale Europeu, de marcas regionais e locais. No local, você irá encontrar licores, vinhos, espumantes, cervejas e chopes artesanais, chocolates, bolachas, linguiças e laticínios, de marcas da região, com excelência na produção.

Foto: Isadora Brehmer/JP

Além disso, o local também conta com um ambiente ideal para uma refeição e um momento de relaxamento, enquanto o visitante descobre mais sobre a história da construção e em como ela contribuiu para o desenvolvimento de Pomerode.

“Também faremos um acervo da história da família e da Casa, com quadros, fichas de funcionários, alvarás de funcionamento, pois há muitos fatos interessantes a serem contados sobre a Casa Haut. Nosso objetivo foi criar um local para visitação, ressaltando a importância cultural e turística da Casa Haut, uma casa enxaimel, restaurada completamente, mantendo todos os detalhes. Nossa ideia é perpeturar a ideia da Casa Haut por muitos anos, preservando a história que já existe e, também, fazemos novas histórias. É um local amado por Pomerode, o qual estamos devolvendo à comunidade e aos visitantes”, enaltecem Antonio Ricardo e Juliana.

Foto: Isadora Brehmer/JP

Notícias relacionadas

Mais Lidas