Terca-Feira, 02 de Marco de 2021

facebook_icon

Hoje: Máx 30Cº / Min 19°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

Alegre como Pomerode

Artista local retrata características marcantes de Pomerode, em seu ovo para a Eier Parade

35fe6ad6579713de3442e5c06182dc9a.jpg Foto: Raphael Carrasco / Jornal de Pomerode

Não é só a cultura de outros países que estará representada na Eier Parade, principal atração da Páscoa em Pomerode neste ano. Artistas locais também estão trazendo sua maneira de ver a nossa cultura para os ovos que formarão a parada. Uma destas artistas é a artista plástica e professora de artes, Mara Rúbia Maas Hopf.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/d71818c47d981bb85097e8de3648507e.jpg https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/ffd61332a4e29290e4edbdc12b3cf4f1.png

 

Quando soube da Eier Parade, Mara conta que se colocou à disposição junto à Avip, manifestando o interesse em participar, sendo uma das artistas locais a representar nossa cidade. Ela foi aceita pela organização e começou a trabalhar na sua releitura dos aspectos da nossa cultura.

“Comecei a desenhar e pintar o ovo em 04 de janeiro e terminei no fim do mês. Comecei com o esboço e depois pintei-o no ovo, trazendo galos, galinhas e flores como ilustrações. Optei por estes elementos porque eles me remetem à infância. Quando eu estava no interior, sempre via muitos galos e galinhas soltos pelos quintais, acho que é uma visão muito marcante na nossa paisagem. E claro, as flores, pelos belos jardins de Pomerode, com algumas delas em alto relevo, de madeira. Também quis deixar tudo bem colorido, porque é assim que eu vejo Pomerode, como uma cidade colorida e alegre”, revela a artista plástica.

 

Segundo a professora de artes, esta é a primeira vez em que trabalha em uma obra nesta dimensão. Antes disso, dedicou-se a pintar casquinhas, uma de suas paixões no mundo artístico.

“Minha relação com a arte existe desde que eu era pequena, quando comecei a fazer alguns cursos de pintura. Depois eu fiz faculdade de Artes Plásticas e também sou professora aqui na cidade. A paixão pela arte sempre foi uma constante em minha vida e, como sempre participei da Osterfest, quis muito fazer parte desta celebração”, destaca.

Mara também enaltece a importância de manter o ovo como elemento de destaque, para manter viva a tradição da renovação da vida e da busca pelas ovinhos no dia de Páscoa, um traço marcante da nossa cultura.

 

 

“A arte da vida consiste em fazer da vida uma verdadeira obra de arte. Levo isso como um lema na minha vida e, por isso, estou muito feliz em fazer parte da Eier Parade. Gostaria de agradecer em especial meus amigos patrocinadores Carin Lemke, Jean Nicoletto e Rolf Nicolodelli, por me apoiarem nesta empreitada. Muito obrigada”, finaliza.