Educação

Alunos pomerodenses serão contemplados com o Bolsa Estudante

Lista foi divulgada pelo Governo de SC, nesta sexta-feira.

23 de abril de 2022

Foto: Governo de SC

O Governo do Estado publicou nesta sexta-feira, 22 de abril, a lista dos estudantes da rede estadual que estão elegíveis para receber a Bolsa Estudante, auxílio de até R$ 6.250,00 por ano para combater a evasão escolar em Santa Catarina.

continua após a publicidade

O documento inclui cerca de 57 mil estudantes matriculados no Ensino Médio regular e Ensino Médio da Educação de Jovens e Adultos (EJA) da rede estadual de ensino.

A lista de estudantes elegíveis para receber o auxílio segue as regras previstas no decreto e no cadastro dos alunos nas escolas. O estudante deve pertencer a uma família que estava inscrita no Cadastro Único (CadÚnico) do governo federal, em dezembro de 2021, considerando que a atualização mais recente dos dados foi em janeiro de 2022. Até dois integrantes de uma mesma família podem receber o benefício.

continua após a publicidade

Fazem parte da lista, 108 alunos das quatro instituições estaduais de nossa cidade, sendo três da UD de Pomerode (antigo Ceja), 64 da E.E.B. José Bonifácio, 15 da E.E.M. Erwin Curt Teichmann e 26 da E.E.B. Presidente Prudente de Morais.

O pagamento será dividido em 11 parcelas de R$ 568,00, com pagamento retroativo ao mês de fevereiro, quando teve início o ano letivo. As famílias que se inscreveram no CadÚnico, após a última atualização, estarão elegíveis a participar do programa Bolsa Estudante a partir do próximo ano.

 

 

Regras para manutenção do auxílio

• Caso o aluno contemplado pelo Bolsa Estudante não apresente frequência mínima de 75% na escola durante o mês, perderá a parcela do auxílio correspondente ao período.

• Quando a frequência mínima não for atendida durante três meses consecutivos, ele perderá o direito ao benefício.

• Ainda segundo o edital, o estudante que for reprovado no ano letivo em que recebeu a bolsa não poderá ser contemplado no ano seguinte. O programa não se aplica aos estudantes em situação de privação de liberdade ou em cumprimento de medida socioeducativa de internação.

Com informações: Governo de SC

Notícias relacionadas

Mais Lidas

Publicidade