Serviços

Receita orienta sobre golpes aplicados durante o período de declaração do IRPF

A Receita Federal afirma que os alertas enviados pelo órgão, por e-mail ou mensagem, não têm links de acesso.

17 de março de 2023

Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

Na quarta-feira, 15 de março, foi aberto o prazo para a Declaração do Imposto de Renda para Pessoas Físicas deste ano (IRPF 2023). Até 31 de maio, contribuintes de todo o país devem acertar os tributos com a Receita Federal. O órgão, no entanto, alerta para a existência de mensagens falsas, que tentam aplicar golpes em contribuintes.

Neste período, segundo a Receita, é comum que golpistas enviem mensagens falsas, se passando pelo órgão, com links maliciosos. Por isso é importante o contribuinte esteja sempre atento. A Receita Federal afirma que os alertas enviados pelo órgão, por e-mail ou mensagem, não têm links de acesso.

As falsas mensagens que vem pelo aplicativo WhatsApp, por SMS ou por e-mail, geralmente alegam que há pendências em declarações de anos anteriores ou algum problema que, supostamente, precisa ser regularizado pelo contribuinte. Outro tipo de mensagem falsa comum é uma que comunica o pagamento de uma falsa restituição do IR.

Normalmente, estas mensagens pedem que o usuário clique em um link, criado pelo golpista, para que, ao ser acessado, faça com que o usuário tenha seus dados roubados. Outra consequência pode ser ter um programa malicioso instalado no computador, que pode roubar dados financeiros e pessoas da máquina.

 

Orientações para evitar cair em golpes

A primeira orientação repassada pela Receita Federal é que o contribuinte esteja atento ao fato de que mensagens e e-mails enviados pelo órgão não possuem links de acesso.

“Todo contato/comunicação da Receita Federal orienta o contribuinte a ir na página oficial”, afirma uma nota divulgada pelo órgão. “Qualquer mensagem que oriente a ir em local diferente da página oficial é falsa”.

O endereço oficial da Receita Federal é https://www.gov.br/receitafederal/pt-br

Caso receba qualquer mensagem em nome da Receita, portanto, a orientação é acessar diretamente a página oficial, por meio da qual é possível acessar diferentes serviços do órgão e também o Portal e-CAC, com acesso seguro com o login gov.br. Todas as informações do Imposto de Renda do contribuinte, procedimentos solicitados, pendências ou regularizações necessárias podem ser consultados no Portal e-CAC.

 

A Receita também orienta a:

– Não abrir ou responder mensagens suspeitas;

– Não abrir arquivos anexados, que podem ser programas executáveis para causar danos ao computador ou capturar informações do usuário;

– Não clicar em nenhum link;

– E excluir imediatamente a mensagem.

Outras dúvidas podem ser esclarecidas através das unidades de atendimento da Receita ou pelos outros canais de atendimento do órgão.

Com informações de Portal Terra

Notícias relacionadas