Especiais

Continuando um legado familiar

Pomerodense fala sobre o seu amor por tratores e mostra seu principal xodó: um trator 1951 com motor de opala

27 de novembro de 2021

Uma paixão herdada pelo pai. Em Pomerode Fundos, um aposentado tem em sua residência uma antiguidade que é o xodó de toda família. Trata-se de um trator Ford 8N, do ano de 1951, adquirido pelos irmãos Piske, para ser utilizado no serviço de sítio, que conta com diversas plantações. Mas, um detalhe que chama muita a atenção, é o que está sob o capô, além de ter tração 4×4. O motor ali instalado é de Opala. Mas isso, vamos falar um pouquinho mais para frente.

continua após a publicidade

Henrique Carlos Piske, de 52 anos, conta que a ideia em adquirir um trator começou em meados de 2004, quando começou a plantar mudas de Guanandi, uma árvore em que sua madeira é legalizada para a comercialização e é usada para fazer, em sua grande maioria, móveis. Para não precisar fazer as covas de maneira manual, onde as mudas seriam plantadas, resolveu comprar um trator para ajudar no serviço. Durante a busca por uma máquina agrícola, resolveu comprar seu primeiro veículo, um Valmet Série Prata.

Após um tempo, ele encontrou, em Rio dos Cedros, um outro trator, que estava sem motor. Então, o valor foi dividido entre os outros dois irmãos, Samuel e Daniel Piske, e aí adquiriram o Ford 8N 1951. Com isso, eles resolveram reformar o veículo e transformá-lo em uma máquina agrícola útil para ser usada no dia a dia da agricultura familiar. Após reformado, o trator passou a ser tração 4×4 e foi colocado um motor de Opala 4cc, que os irmãos compraram em um ferro velho, na cidade de Indaial. “Eu encontrei esse motor em um ferro velho. Ele havia passado por uma enchente, se eu não me engano, em 2008. Tivemos que retificar e, logo após, adaptar para que o mesmo pudesse caber dentro da estrutura do trator e funcionar de maneira correta, para que pudéssemos usar com as tarefas aqui de casa”, explica.

continua após a publicidade

Confira, também, a matéria em vídeo! 

 

 

Por ter dificuldades em subir o morro em certas ocasiões, como antigo trator 4×2, resolveu transformar o trator Ford em tração 4×4. Para fazer o cálculo das engrenagens que vão dentro da caixa, pediu auxílio ao professor Valmor Kamchen, para que tudo pudesse funcionar mecanicamente correta.

 Em relação à adaptação do motor, foi necessário fabricar uma flange para fixar o mesmo na caixa. Na parte interna, o eixo piloto do trator continua sendo original, mas para compensar a diferença de tamanho, foi fabricado um volante maior no motor, que em consequência, proporcionou um maior torque para o trator.

 

Henrique Piske e seu trator Ford 8N 1951. (Foto: Raphael Carrasco / Jornal de Pomerode)

 

“Nossa ideia não era expor o trator em encontros ou algo do gênero. Fizemos tudo isso para que pudéssemos usar ele com as nossas atividades agrícolas, aqui em casa. Realmente, o fato de ser um motor de Opala desperta a curiosidade de muitos. Ainda tenho que fazer uma adaptação na traseira dele, para acoplar uma carretinha traçada”, comenta.

Piske também falou do apego emocional que tem pelo trator, já que seu pai, Harold Piske, sempre foi um apaixonado pela agricultura e pelas máquinas agrícolas. Emocionado, o filho fala que é um orgulho poder continuar este legado.

“É muito gratificante ter este trator em casa, pois era algo que meu pai gostava muito. Ele veio a falecer em 03 de outubro de 1989 e a ideia é fazer tudo de tal maneira que pudesse deixar nosso pai orgulhoso. Isto também  nos traz memórias do passado, dos momentos bons que passamos ao lado dele”, finaliza.

 

Imagem do trator antes da reforma, feita pela família. (Foto: Arquivo pessoal)

 

O trator 

O Ford 8N foi fabricado entre 1947 e 1953. Tinha motor de 21 hp e é considerado o trator americano mais popular de todos os tempos, com mais de 524 mil unidades produzidas. Foi um “upgrade” potência e design do seu antecessor, o Ford 9N. Era barato e confiável e ainda dizem que foi o trator que mais substituiu cavalos na história.

 

Irmãos Piske mostram os tratores que fazem parte do dia a dia familiar. (Foto: Arquivo pessoal)

Notícias relacionadas

Mais Lidas

Publicidade