Meio Ambiente

Polícia flagra acampamento para corte ilegal de palmito em área de conservação de SC

Fato ocorreu na terça-feira, 02 de julho

4 de julho de 2024

Foto: PMSC/Divulgação

Na terça-feira, 02 de julho, a Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC), por meio dos militares que atuam na Polícia Militar Ambiental, flagrou um acampamento que estava sendo utilizado para o corte ilegal de palmito.

O fato aconteceu após a denúncia do crime ambiental no Sertão do Perí, bairro Ribeirão da Ilha, em Florianópolis.

Na oportunidade, os militares receberam uma denúncia que informava que vários indivíduos estariam realizando o corte ilegal de palmito em uma área de conservação.

Foto: PMSC/Divulgação

Ao chegar ao local, os policiais entraram na mata e encontraram diversos pés de palmito cortados. Após aproximadamente 1,5 km de caminhada pela mata, localizaram um acampamento onde encontraram um homem.

O suspeito relatou que estava na mata há seis dias e que havia efetuado alguns cortes. Informou também que tinha mais quatro companheiros, que haviam saído para continuar o corte dos palmitos, enquanto ele permaneceu no acampamento devido a uma lesão no joelho. Acrescentou ainda que os palmitos cortados já haviam sido recolhidos na data anterior.

Diante dos fatos, considerando que a área é uma Unidade de Conservação, Monumento Natural Municipal da Lagoa do Peri, e em conformidade com o Art. 40 do Decreto nº 99.274, de 6 de junho de 1990, que trata dos danos diretos ou indiretos às Unidades de Conservação, o indivíduo foi conduzido até a 2ª Delegacia de Polícia Civil para as devidas providências. Além disso, foram abertos processos administrativos ambientais.

Notícias relacionadas