Polícia

Justiça autoriza transferência de suspeito de matar mãe e bebê, em Blumenau, para a cidade

Kelber está preso em Campinas, desde a semana passada

1 de agosto de 2022

Foto: Divulgação / Polícia Civil

O homem suspeito de matar Jéssica Ballock e o bebê dela, de três meses, teve a transferência para Blumenau autorizada pela Justiça nesta segunda-feira, 1º de agosto.

continua após a publicidade

Kelber Henrique Pereira, de 28 anos, foi detido em Paulínia, interior de São Paulo, na quinta-feira, 27 de julho. Após a prisão, efetuada pela Polícia Militar do município paulista, Kelber foi encaminhado a Campinas, para a audiência de custódia.

Desde então, o homem estava na cadeia pública anexa à Segunda Delegacia de Polícia de Campinas. Agora, com a autorização da Justiça, o próximo passo é aguardar pela efetivação da autorização pelo Departamento de Polícia Penal de SC (Deap/SC).

continua após a publicidade

Relembre o crime

Jéssica Ballock, de 23 anos, e o filho, Théo Pereira, de apenas três meses, foram encontrados mortos dentro de um apartamento, no bairro Velha, em Blumenau.

Mesmo sem a causa da morte confirmada pelos exames laboratoriais, o caso é tratado como feminicídio, já que tanto Jéssica quanto o bebê foram esfaqueados.

Kelber, ex-companheiro da jovem e pai do bebê é o principal suspeito da autoria do crime.

Notícias relacionadas

Mais Lidas

Publicidade