Coluna do Mani

Coluna do Mani – Encontro do MDB (27/05)

Confira os destaques da Coluna do Mani desta semana

27 de maio de 2022

Foto: Divulgação

No último sábado, dia 21 de maio, o partido MDB, de Pomerode, fez uma grande reunião no salão do Clube 2º de Maio, em Pomerode Fundos. O presidente do MDB, da nossa cidade, Márcio Scheidemantel, ressaltou a importância da presença dos apoiadores e também de lideranças regionais. No encontro, foi pauta os objetivos para o ano eleitoral de 2022, já que o partido tem pré-candidatos para o governo de SC, para a Alesc e também para a Câmara, e m Brasília.

continua após a publicidade

 

Investimentos

continua após a publicidade

Para dar suporte ao planejamento de seu crescimento no mercado, a Oxford reservou R$ 41 milhões para investir este ano em suas unidades industriais de São Bento do Sul e Pomerode, em Santa Catarina, e São Mateus, no Espírito Santo. A aplicação dos recursos acontece de forma gradual, mantendo a constante atualização tecnológica, as ações de marketing e a concretização de novos projetos.

Considerando ampliação de área física, a novidade maior está na unidade de Pomerode, que receberá R$ 4,5 milhões de investimentos. A fábrica terá mais 750 m2 para melhorar seus processos internos e aumentar a capacidade de fabricação de taças de cristal.

Anexo à fábrica, serão construídos 600 m2 para instalar uma nova loja. Ela terá inspiração na arquitetônica germânica, que caracteriza Pomerode, áreas de experiência e ampla exposição de toda a linha de produtos das marcas Oxford, Strauss e Biona. A estrutura ainda oferecerá uma visitação à produção de cristais.

O planejamento da Oxford prevê para este ano um crescimento de 20% nas vendas. No ano passado, a empresa registrou alta de 27%, alcançando faturamento de R$ 606 milhões. Os mais de 3.000 funcionários foram responsáveis pela fabricação de 83,5 milhões de peças de louças em porcelana e cerâmica e cristais em 2021.

“Além de ampliar constantemente a capacidade de produção, os investimentos buscam modernizar e automatizar os processos de fabricação. Dessa maneira, nos tornamos mais eficientes e competitivos no mercado”, informa o diretor superintendente Irineu Weihermann.

 

Investimentos I

A Olho Embutidos e Defumados, de Pomerode, marca com 88 anos de histórias, inaugura até o final do ano a sua nova fábrica. São mais de mil metros quadrados, um pouco mais que o dobro da planta atual, resultado de um investimento de aproximadamente R$ 8 milhões em edificação e inovação. A empresa tinha planos de inaugurar a nova planta antes da pandemia, mas deu uma parada nos últimos dois anos e agora volta a tocar o projeto.

A empresa investiu muito na modernização dos equipamentos e em tecnologia. Tecnologias essas que têm por objetivo aumentar a produtividade, reduzir custos, criar novos produtos e ampliar a participação da empresa no mercado. Porém, os diretores, Luiz Antonio Bergamo e Rolf Konell Jr., enfatizam que tudo isso terá que acontecer preservando a qualidade do produto artesanal e tradicional. “Não queremos crescer e perder nossa identidade de produtos referências em qualidade.”

Atualmente, a produção mensal está em torno de 40 toneladas mensal e a fábrica terá capacidade para até 100 toneladas em um único turno por mês. De acordo com Rolf, para este ano está previsto crescimento de 25% no faturamento. Depois que a fábrica for inaugurada, será possível triplicar, futuramente, o faturamento da empresa com a conquista de novos mercados e a criação de produtos. Atualmente, a empresa conta com cerca de mil pontos de vendas e deve chegar até o fim de 2022 com 1.200. O Vale do Itajaí e o Litoral são as regiões com maior concentração de pontos de vendas da Olho.

Notícias relacionadas

Mais Lidas

Publicidade