Comunidade

A população nas cidades do Médio Vale: veja números dos municípios da região

Houve crescimento significativo na população de algumas cidades, mas também diminuição em um dos municípios

4 de julho de 2023

Foto: Raphael Carrasco / Jornal de Pomerode

O Censo Demográfico de 2022 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), contabilizou a população atual de todos os municípios do Brasil.

Com base nestes dados, é possível dimensionar o quando as cidades cresceram, em comparação com dados anteriores.

Por exemplo, Pomerode possui 34.263 habitantes. Para se ter uma ideia, o último censo, de 2010, apontava que 27.759 pessoas residiam em solo pomerodense. Em 1970, segundo os dados do IBGE, o município tinha cerca de 12 mil habitantes.

Ainda de acordo com o Censo, Pomerode conta com 13.046 domicílios, com uma média de 2,87 moradores, além da densidade demográfica de 159,88 habitantes por km².

No Médio Vale do Itajaí, região na qual Pomerode está inserida, outros municípios também registraram um crescimento significativo, como Blumenau, Brusque, Indaial, Gaspar e Timbó.

Outras, tiveram o fenômeno reverso, com crescimento pequeno na população ou mesmo diminuição no número de habitantes, como é o caso de Benedito Novo.

Confira, abaixo a evolução da população nos demais 13 municípios do Médio Vale:

Apiúna:

1991 – 7.731 habitantes

2010 – 9.600 habitantes

2022 – 9.811 habitantes

Densidade demográfica: 19,88 hab/km²

Área: 493 km²

 

Ascurra:

1970 – 3.970 habitantes

2010 – 7.412 habitantes

2022 – 8.319 habitantes

Densidade demográfica: 73,7 hab/km²

Área: 113 km²

 

Benedito Novo:

1970 – 11.637 habitantes

2010 – 10.336 habitantes

2022 – 10.520 habitantes

Densidade demográfica: 27,09 hab/km²

Área: 388 km²

 

Blumenau:

1970 – 100.275 habitantes

2010 – 309.011 habitantes

2022 – 361.261 habitantes

Densidade demográfica: 696,58 hab/km²

Área: 519 km²

 

Botuverá:

1970 – 3.762 habitantes

2010 – 4.468 habitantes

2022 – 5.363 habitantes

Densidade demográfica: 18,1 hab/km²

Área: 296 km²

 

Brusque:

1970 – 35.200 habitantes

2010 – 105.503 habitantes

2022 – 141.385 habitantes

Densidade demográfica: 496,65 hab/km²

Área: 285 km²

 

Doutor Pedrinho:

1991 – 2.997 habitantes

2010 – 3.604 habitantes

2022 – 3.637 habitantes

Densidade demográfica: 9,72 hab/km²

Área: 374 km²

 

Gaspar:

1970 – 18.417 habitantes

2010 – 57.981 habitantes

2022 – 72.570 habitantes

Densidade demográfica: 187,71 hab/km²

Área: 387 km²

 

Guabiruba:

1970 – 6.297 habitantes

2010 – 18.430 habitantes

2022 – 24.543 habitantes

Densidade demográfica: 142,55 hab/km²

Área: 172 km²

 

Indaial:

1970 – 22.349 habitantes

2010 – 54.854 habitantes

2022 – 71.549 habitantes

Densidade demográfica: 166,08 hab/km²

Área: 431 km²

 

Rio dos Cedros:

1970 – 9.718 habitantes

2010 – 10.284 habitantes

2022 – 10.865 habitantes

Densidade demográfica: 19,56 hab/km²

Área: 555 km²

 

Rodeio:

1970 – 7.954 habitantes

2010 – 10.922 habitantes

2022 – 12.757 habitantes

Densidade demográfica: 98,89 hab/km²

Área: 129 km²

 

Timbó:

1970 – 11.829 habitantes

2010 – 36.774 habitantes

2022 – 46.099 habitantes

Densidade demográfica: 359,27 hab/km²

Área: 128 km²

 

Veja também:

10 cidades com a menor população de Santa Catarina;

10 cidades com a maior população de Santa Catarina;

Saiba qual a cidade com a menor população do Brasil;

Notícias relacionadas