Comunidade

Pomerode está entre as 10 cidades do país com melhor qualidade de vida e igualdade social

Classificação é de acordo com o o Índice Brasileiro de Privação (IBP)

11 de dezembro de 2020

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) divulgou nesta semana um novo indicador de desigualdade social no Brasil, o Índice Brasileiro de Privação (IBP). O IBP criou uma espécie de ranking de qualidade de vida das cidades brasileiras, apontando, também, o abismo existente entre as regiões. O IBP funciona como o IDH (Índice de Desenvolvimento Humano), da Organização das Nações Unidas (ONU), mas focado em analisar a desigualdade em pequenas áreas.

continua após a publicidade

Isso porque, diferente do IDH, o IBP mede os aspectos sociais em nível censitário, incluindo bairros e pequenas regiões.

O Índice adotou como base os dados do último Censo, realizado em 2010, pelo IBGE. A Fiocruz agregou, também, três áreas para a elaboração do ranking: educação, renda e condições de moradia da população, como saneamento, por exemplo.

continua após a publicidade

A primeira colocada no ranking foi a cidade de São Vendelino (RS). Santa Catarina possui três municípios entre os 10 primeiros colocados. Balneário Camboriú obteve a quarta posição, enquanto Pomerode aparece na nona colocação e Blumenau em 10º. Ainda, a 11ª cidade é Jaraguá do Sul.

O ranking classifica, também, as cidades por regiões do país e por estados. Na classificação da Região, Pomerode figura na sétima posição, enquanto em termos estaduais, ocupa a segunda colocação, atrás apenas do município de Balneário Camboriú.

 

Confira as 10 primeiras colocadas no IBP:

1ª: São Vendelino (RS)

2ª: Westfalia (RS)

3ª: São Caetano do Sul (SP)

4ª: Balneário Camboriú (SC)

5ª: Águas de São Pedro (SP)

6ª: Dois Irmãos (RS)

7ª: Tupandi (RS)

8ª: São José do Hortêncio (RS)

9ª: Pomerode (SC)

10ª: Blumenau (SC)

Notícias relacionadas

Mais Lidas

Publicidade