Cultura

Os clássicos do rock com a identidade própria de um músico de Pomerode

Michael gravou sucessos dos anos 80 e 90 e acrescentou nestas músicas o seu estilo próprio

29 de maio de 2022

Foto: Victor Peiker

Adaptações de clássicos do Rock, principalmente, alguns hits dos anos 80 e 90, com uma pitada de identidade própria.

continua após a publicidade

Michael Lochner está à frente de um novo projeto musical, inspirado em músicas deste gênero musical, com instrumentos que são a marca registrada do músico morador de Pomerode. Lochner, que também é muito conhecido por ser a voz de inúmeras músicas típicas alemãs, que são sucessos recorrentes em festas, está partindo para um novo estilo.

Com o projeto Michael Von Frankfurt, o músico gravou 12 faixas de sucessos muito conhecidos do rock, ao exemplo de “The Final Countdown” do Europe e “Sweet Child O’ Mine”, do Guns n’ Roses. Os hits receberam uma “roupagem nova”, com um som mais acústico e imersivo, com toques de acordeon e batidas eletrônicas. As gravações contaram com as participações de Dinho Almeida (C3D Studio), Ivan Luciani e Marco Antônio Delfine.

continua após a publicidade

As músicas estão sendo liberadas ao público aos pouquinhos, nos mais diversos serviços de streaming de áudio, como o Spotify, Deezer e Apple Music. Ainda, estão sendo gravados videoclipes, que irão para o Youtube, em breve. Lochner fala sobre como foi o processo de gravação e de onde surgiu a ideia.

Ouça, no Spotify, a gravação de Lochner, clicando aqui!

“Queria fazer algo com música, voltado para o ritmo que eu sempre gostei. Deixei de lado as músicas autorais e resolvi adaptar essas músicas com meu estilo. E, para não deixar de lado as origens, resolvi colocar instrumentos que utilizo. E, durante a adolescência, não ligava muito para gaita ou acordeon, mas com o tempo, isso se tornou uma marca registrada. Quando era mais novo, sempre escutei muito rock e era o estilo musical popular da época. Mesmo tendo esse apego pelas músicas típicas, sempre fui um apreciador do rock, então, resolvi mesclar um pouco e fazer algo novo”, explica.

Ainda, de acordo com o músico, a expectativa é grande para os próximos lançamentos.

“Estou me adaptando com a nova realidade dos streamings, que é diferente. A expectativa é criar um fã base legal nas plataformas de streaming. A música, hoje em dia, conecta o mundo todo, através da internet. Meus amigos de infância, lá na Alemanha e meus amigos aqui no Brasil, podem escutar o mesmo conteúdo, simultaneamente e isso é muito bacana”, comenta.

Notícias relacionadas

Mais Lidas

Publicidade