Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020

facebook_icon

Hoje: Máx 30Cº / Min 19°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

WhatsApp lança sistema de compartilhamento de dinheiro no Brasil

O envio de dinheiro ou pagamento de contas por pessoas físicas não terá pagamento de nenhuma taxa

57834640852cd59e8cc91cb8f531c73a.jpg Foto: Divulgação

O aplicativo de mensagem mais popular do Brasil começa permitir, a partir desta segunda-feira (15), pagar contas ou mandar dinheiro como se você estivesse enviando uma mensagem. Com isso, também vai ser possível receber dinheiro da mesma forma.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/ffd61332a4e29290e4edbdc12b3cf4f1.png https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/d71818c47d981bb85097e8de3648507e.jpg https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/084e77132dfa93c29b44631e150d4333.jpg

 

No início, os pagamentos poderão ser feitos por usuários que tenham conta no Banco do Brasil, Nubank e Sicredi. Nessa transação, o dinheiro vai ser transferido a partir do cadastro do cartão de crédito ou débito do cliente. A empresa diz que o programa é aberto e novos bancos que poderão entrar no futuro. Os pagamentos serão processados pela Cielo, empresa de meio de pagamentos.

Segundo o Facebook, que é dono do WhatsApp, o envio de dinheiro será por uma nova opção no menu em operação semelhante ao envio de uma imagem. Será necessário informar uma senha de seis dígitos ou usar a biometria do celular para autorizar cada transação. A intenção é evitar que a ferramenta seja usada indevidamente.

O envio de dinheiro ou pagamento de contas por pessoas físicas não terá pagamento de nenhuma taxa. As empresas que receberem o dinheiro, porém, pagarão uma taxa de processamento para receber pagamentos dos clientes. O processo será como o já feito por comerciantes que aceitam cartões.Segundo o Facebook, o novo recurso começa a ser oferecido gradualmente até que todos os usuários no Brasil tenham acesso à ferramenta.