Quinta-Feira, 13 de Maio de 2021

facebook_icon

Hoje: Máx 30Cº / Min 19°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

SC confirma segunda morte por febre amarela, em 2021

Vítima foi um homem, de 59 anos, morador de São Bonifácio, região da Grande Florianópolis.

f82cb61d20a10eeda48b00adca36a412.jpg Foto: Flickr / US Department of Agricultre / Creative Commons

nesta segunda-feira, 12 de abril, que foi registrado o segundo óbito por febre amarela em Santa Catarina nesse ano. O diagnóstico foi confirmado pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen/SC), em um homem de 59 anos, morador de São Bonifácio, região da Grande Florianópolis. Ele chegou a ser internado, mas não resistiu à doença.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/2edbf97c4ed2488011199c38854cd348.jpg https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/ffd61332a4e29290e4edbdc12b3cf4f1.png https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/d71818c47d981bb85097e8de3648507e.jpg

 

A primeira morte pela doença, no Estado, em 2021, foi confirmado na semana passada. O homem, de 34 anos, era morador de Águas Mornas, também na Grande Florianópolis.

Além disso, Santa Catarina já confirmou outros três casos humanos de febre amarela em 2021. O primeiro, registrado em janeiro, foi de uma moradora de Taió, região do Alto Vale do Itajaí, de 40 anos. Os outros dois foram confirmados na região da Grande Florianópolis: um homem, de 62 anos, morador de Águas Mornas; e, um homem de 46 anos, morador do município de Anitápolis. Nenhum dos casos tinha registro de vacina no Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SIPNI).

Com relação às epizootias, o estado já recebeu a notificação de 437 primatas não humanos mortos ou doentes, sendo que em 119 ocorreu a confirmação para a febre amarela. Outras 25 epizootias (morte ou adoecimento de macacos) continuam em investigação para determinar a causa do óbito.

Fonte: Dive / SC

 



Tags: