Sexta-Feira, 25 de Junho de 2021

facebook_icon

Hoje: Máx 30Cº / Min 19°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

Pomerodenses são convocadas para a Seleção Brasileira

Atletas confirmaram a expectativa, por figurarem no topo do ranking brasileiro sub 20 de Atletismo.

9204945a5722ba994f23d1d1bd900b62.jpg Foto: Divulgação

Nesta quarta-feira, 09 de junho, as atletas pomerodenses Taniele Rodrigues Jesus da Silva e Yasmin Jandre Piske foram convocadas, oficialmente, para integrar a Seleção Brasileira Sub 20 de Atletismo. A delegação vai disputar o Campeonato Sul-Americano da categoria, entre os dias 09 e 10 de julho, em Lima, no Peru.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/ffd61332a4e29290e4edbdc12b3cf4f1.png https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/3724d210f4598560aad9a3c2f442a8e3.jpg https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/d71818c47d981bb85097e8de3648507e.jpg

 

A convocação se deu pelos resultados obtidos no Campeonato Brasileiro, realizado entre os dias 21 e 23 de maio, no Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo (CNDA), em Bragança Paulista (SP). Na ocasião, Yasmin foi a campeã no Lançamento do Disco, com a marca de 43,46m; e Taniele faturou a medalha de ouro no Arremesso do Peso, alcançando 12,86m. 

Para o técnico Odair dos Santos, o popular Chico, a convocação era esperada, uma vez que ambas são as melhores do Brasil, atualmente, na categoria. “Não sabemos quais atletas iremos enfrentar, mas tenho certeza de que as meninas irão dar o melhor de si. Os treinamentos seguiram normalmente após o Brasileiro, na primeira semana, mais leves, para que houvesse um descanso; e depois, aumentando o ritmo, focados para o Sul-Americano”, destaca.

 

 

O Campeonato Mundial da categoria é um passo ainda mais distante, no entanto, há a esperança de uma presença pomerodense em outra disputa.

“Nosso trabalho foi focado à participação do Brasileiro e a consequente classificação ao Sul-Americano. Mas, para o Mundial, os índices ainda estão um pouco distantes. Não é algo impossível de acontecer, pois a Yasmin trocou de prova há menos de um ano e vem numa evolução. Já a Taniele tem, pelo menos, mais dois anos para tentar a vaga. Só que esse ano, será realizada a Etapa Nacional da Gymnasíade, que acontece em Aracaju (SE), como seletiva para o Campeonato Mundial Escolar. E como ela é a primeira do ranking sul-americano sub 18, a expectativa é a melhor possível, para que ela possa ir à competição, na China, em outubro”, finaliza.



Tags: