Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020

facebook_icon

Hoje: Máx 30Cº / Min 19°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

Polícia prende o último suspeito de participar de assalto a banco em Apiúna

O suspeito responde pelo crimes de roubo majorado, tentativa de homicídio qualificado e organização criminosa.

fb0a9c6e016faa7960aa5173a63f0426.jpeg Foto: Polícia Civil / Divulgação

Um homem foi preso preventivamente suspeito de ser o último assaltante envolvido no roubo ao banco Bradesco em Apiúna, no dia 17 de dezembro de 2019. Ele foi detido na tarde dessa quarta-feira, dia 20 de maio, na rua Gustavo Boehmer, no centro de Lontras.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/e0003bba15ccd6128c01f16b3f1cee47.jpg https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/9e2bb169f004a4f2d858e03c1e0721a4.jpg

 

O suspeito responde pelo crimes de roubo majorado, tentativa de homicídio qualificado e organização criminosa. A prisão ocorreu após cinco meses de investigações.

O suspeito estava foragido desde a deflagração da Operação Saque-Recusado, realizada em janeiro de 2020 pela Polícia Civil com o apoio do Deap (Departamento Penitenciário Estadual).

O detido foi denunciado pelo Ministério Público da Comarca de Ascurra, com base nas investigações realizadas pela Polícia Civil de Ascurra.

Conforme a Polícia Civil, a participação do homem foi fundamental na execução do roubo ao banco. Isso porque, segundo apontam as investigações, o conduzido foi o responsável pela fuga dos criminosos após o abandono do veículo Honda/Civic utilizado no crime.

Com essa prisão, são oito assaltantes presos e um suspeito morto em confronto com a Polícia Militar no dia do crime. A Polícia Civil informou que o crime em questão passa a ser considerado como solucionado.

Fonte: ND+

 



Tags: