Segunda-Feira, 26 de Outubro de 2020

facebook_icon

Hoje: Máx 30Cº / Min 19°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

Mãe e filho que estavam desaparecidos de Itapema, são encontrados mortos, na cidade de Rio dos Cedros

Os corpos foram encontrados na noite desta terça-feira, 22

ac8865412b6687c54afeb36105d32d08.jpg Foto: Divulgação / Polícia Civil

Foram encontrados na cidade de Rio do Cedros, os corpos de Josiéli Lopes, de 36 anos, e do seu bebê, de três meses, desaparecidos há seis dias, da cidade de Itapema. A Polícia Civil da cidade encontrou os corpos enterrados na noite desta terça-feira, 22 de setembro. Segundo os investigadores, o responsável pelo crime teria sido o marido da Josiéli e pai da criança, que foi preso na manhã desta quarta-feira, 23, conforme informou o delegado de Polícia Civil, Diogo Medeiros.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/df6a593e901dc2117f843d0d51547b2b.jpg https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/4816b628a0b14735c6eae31e533c28c6.gif

 

Agora o Instituto Geral de Perícias atua para colaborar com as investigações. Segundo o delegado, desde o início das investigações a polícia percebeu incoerências. Por esse motivo, a polícia investigou se o ex-companheiro de Josiéli seria o responsável pelo desaparecimento dela e da criança e, de acordo com Medeiros, o suspeito confessou ter matado a ex-companheira e o filho.

De acordo com a irmã de Josi, Clarice Aparecida Alonso de Freitas, que mora no Paraná, apesar da distância se comunicava com a irmã por ligações e videochamadas. Segundo Clarice, no domingo, 13, ela e o companheiro tiveram uma briga, onde o companheiro foi embora de carro.

 

 

Josi entrou em contato com Clarice na segunda-feira, 14, relatando o fato, e afirmando que iria se separar dele. Na terça-feira, 15, ela informou à irmã que iria entrar em contato com a advogada pela manhã. No período da tarde, ela foi ao salão e informou que o marido foi no local.

Na terça-feira, no início da noite, os vizinhos relataram nova discussão do casal. O homem informou que arrumou um veneno e colocou na carne que ele fez e serviu para a ex-companheira. A mulher ainda amamentou o bebê e ambos começaram a passar mal. Eles moravam há mais de um ano juntos no bairro Morretes, em Itapema.

 

(Foto: Arquivo pessoal)

Com o pretexto de socorrer a vítima, o homem disse que levaria ambos ao hospital. No entanto, ele seguiu até Rio dos Cedros, onde ocultou os corpos dos dois. As vítimas foram enterradas em uma zona rural e inabitada. O homem indicou à polícia o local onde estavam os corpos.

Agora, o acusado aguarda preso o encerramento da investigação e a condução do caso na Justiça. As investigações ainda serão concluídas para verificação dos últimos detalhes do caso.