Quarta-Feira, 27 de Maio de 2020

facebook_icon

Hoje: Máx 30Cº / Min 19°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

Incêndio atinge Morro do Macaco, em Indaial, há mais de 24 horas

Devido à estiagem, o solo da área verde criou braseiros, que mantém o fogo ativo, mesmo com o trabalho de contenção feito pelos bombeiros

703353f6af7ce6960c7978229a385835.jpeg Foto: Divulgação

Desde o sábado, 16 de maio, um incêndio atinge o Morro do Selim, mais conhecido como Morro do Macaco, em Indaial. O fogo atinge uma área subterrânea, no meio da mata e de difícil acesso, no Morro. O trabalho dos Bombeiros Voluntários de Indaial já dura mais de 24 horas no local, nas tentativas de combater o incêndio.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/da5766e97c60e8759e4c3acec5c7284a.jpg https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/b6557b3fc353d86e08085bfc422c0203.jpg https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/e0003bba15ccd6128c01f16b3f1cee47.jpg

 

O comandante da corporação indaialense, Evandro Vinotti, no entanto, já explicou que será praticamente impossível conter o fogo apenas com a ação humana. Isso porque, conforme já dito, o incêndio é subterrâneo. Devido à estiagem, o solo da área verde criou braseiros, que mantém o fogo ativo, mesmo com o trabalho de contenção feito pelos bombeiros.

O helicóptero Arcanjo-03 também auxilia no combate, porém as equipes não estão obtendo sucesso. Ainda segundo o comandante, a solução seria uma chuva significativa no local.