Sexta-Feira, 29 de Maio de 2020

facebook_icon

Hoje: Máx 30Cº / Min 19°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

Em unanimidade, STJ concede habeas corpus para João Pizzolatti

Na semana passada, no dia 03, o Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC) havia confirmado a manutenção da prisão e a ida a júri popular do ex-deputado

5b00735347aa0bea1e09275ab8e060c9.jpg Foto: Câmara dos Deputados

Nesta quarta-feira, 08 de outubro, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) aceitou o pedido de habeas corpus da defesa do ex-deputado federal pomerodense, João Alberto Pizzolatti Júnior.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/da5766e97c60e8759e4c3acec5c7284a.jpg https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/b6557b3fc353d86e08085bfc422c0203.jpg https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/e0003bba15ccd6128c01f16b3f1cee47.jpg

 

Na semana passada, no dia 03, o Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC) havia confirmado a manutenção da prisão e a ida a júri popular do ex-deputado, por ter descumprido a medida cautelar. Mesmo tendo o direito de responder em liberdade, Pizzolatti poderá ser julgado e condenado nesta segunda ação.

No dia 20 de dezembro de 2017, Pizzolatti se envolveu em um acidente de trânsito, que resultou em ferimentos graves a um motorista. O acidente foi na Rodovia Werner Duwe (SC-421), em Testo Salto.

Na época, segundo a Polícia Militar Rodoviária, o ex-deputado teria declarado que ingeriu bebida alcoólica no dia do acidente. A colisão causou queimaduras de 1º e 3º grau distribuídas pelo corpo da vítima. Algumas testemunhas disseram que Pizzolatti transitava em zigue-zague, instantes antes de colidir com o outro veículo.

 

Quer ser o primeiro a receber as notícias de Pomerode e região pelo WhatsApp? Clique aqui.