Sexta-Feira, 25 de Junho de 2021

facebook_icon

Hoje: Máx 30Cº / Min 19°C

Siga a gente -

Jornal de Pomerode

Edição Impressa

icon_user

Desabamento de viaduto com vagões de metrô provoca ao menos 23 mortes, no México

Segundo informações preliminares da Proteção Civil do México, repassadas à agência Reuters, cerca de 65 pessoas estão hospitalizadas, devido ao acidente

a28cc6f40bebfeb2db6857d026e0eee0.jpg Foto: Hector Vivas / Getty Images

Um viaduto que conduz uma linha de metrô da Cidade do México desabou parcialmente, com alguns vagões, na noite desta segunda-feira, 03 de maio. O acidente ocorreu por volta das 22h25min e, segundo a CNN Brasil, causou pelo menos 23 mortes e deixou cerca de 70 pessoas feridas, conforme as informações disponíveis até o momento. Alguns carros, que passavam por baixo do viaduto foram atingidos quando a queda ocorreu.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/ffd61332a4e29290e4edbdc12b3cf4f1.png https://jornaldepomerode.com.br/novo/midia/banners/banner_808x164/d71818c47d981bb85097e8de3648507e.jpg

 

Equipes da Guarda Nacional, do Exército e serviços de emergências foram ao local para auxiliar na busca e socorro por sobreviventes. Segundo informações preliminares da Proteção Civil do México, repassadas à agência Reuters, cerca de 65 pessoas estão hospitalizadas, devido ao acidente.

A prefeita da Cidade do México, Claudia Sheinbaum, concedeu uma entrevista coletiva durante a madrugada e informou que crianças estavam entre as vítimas. Ela também disse que as primeiras hipóteses identificaram a ruptura de uma das vigas do viaduto, que pode ser uma das causas do desabamento. Porém, nada foi confirmado, pois a investigação está em andamento.

Nas primeiras horas depois do desabamento, os esforços de resgate precisaram ser interrompidos assim que as equipes de apoio chegaram ao local, devido ao risco de que mais vagões e pedaços do viaduto desabassem sobre a estrada. Durante a madrugada foram retomadas as buscas por sobreviventes e a remoção dos destroços.

Imagens divulgadas minutos depois do acidente mostram pelo menos dois vagões de trem pendurados precariamente no viaduto danificado, que foi ainda mais prejudicado por um incêndio ocorrido no local da queda. As equipes médicas precisaram usar escadas para acessar o trem.

Com informações de Reuters e CNN Brasil