Polícia

Mulher tem fratura no dedo após agressão de marido, em Pomerode

Ocorrência foi registrada na sexta-feira, 1º de julho. Vítima acionou a Polícia Militar pela manhã após o agressor ir trabalhar

4 de julho de 2022

Foto: Arquivo JP

Na manhã de sexta-feira, 1º de julho, a Polícia Militar de Pomerode foi acionada para atender ocorrência de lesão corporal grave e ameaça no âmbito da Lei Maria da Penha. O fato foi registrado em Testo Rega.

continua após a publicidade

A mulher informou que na noite de quarta-feira, 29 de junho, já havia sofrido agressões por parte do marido, que puxou seu cabelo, a jogou no sofá e a ameaçou. Na quinta, dia 30, ela foi à Delegacia de Polícia para registrar boletim de ocorrência.

Foi então, que na noite de quinta, o casal voltou a discutir e, desta vez, seu marido a ameaçou de morte, desferiu diversos socos deixando hematomas e uma possível fratura no dedo.

continua após a publicidade

Não conseguindo solicitar ajuda por telefone e nem sair de casa durante a noite, a vítima só conseguiu acionar a polícia militar na manhã de sexta, quando o marido foi trabalhar

A mulher estava em casa com o filho recém-nascido de um mês de idade, com lesões no braço e fratura no dedo mindinho. O Corpo de Bombeiros Voluntários de Pomerode foi acionado e conduziu a vítima ao hospital para atendimento médico.

A Polícia Militar realizou o Boletim de Ocorrência e a mulher, atendida pelo CRAS de Pomerode. O autor não foi preso em flagrante, pois não se encontrava mais no local.

Notícias relacionadas

Mais Lidas

Publicidade