País

Maceió decreta emergência por risco de colapso em mina de petroquímica

Autoridades municipais, estaduais e nacionais foram acionadas diante da ocorrência de cinco abalos sísmicos apenas neste mês de novembro na área.

30 de novembro de 2023

Foto: Divulgação/Defesa Civil do Alagoas

Correspondentes da Defesa Civil Nacional e do Sistema Geológico Brasileiro (CPRM), vinculado ao Ministério de Minas e Energia, deslocaram-se para Maceió a partir da noite de quarta-feira (29) em resposta a eventos sísmicos que afetaram a região do Mutange.

Este bairro da capital alagoana permanece desocupado devido ao afundamento do solo, causado pela extração de sal-gema pela petroquímica Braskem.

Autoridades municipais, estaduais e nacionais foram acionadas diante da ocorrência de cinco abalos sísmicos apenas neste mês de novembro na área. O CPRM tomou a iniciativa de enviar uma equipe adicional a Maceió com o propósito de avaliar a intensificação da situação.

Conforme comunicado pela Braskem, a instabilidade no solo foi detectada “em uma localidade específica, dentro das instalações de serviço da empresa, nas proximidades da Avenida Major Cícero de Goes Monteiro”. Em resposta, medidas preventivas foram adotadas, incluindo o isolamento da referida área.

Veja a nota da empresa:

“A Braskem informa que, em decorrência do registro de microssismos e movimentações de solo atípicas pelo sistema de monitoramento, paralisou suas atividades na Área de Resguardo. Tais registros estão concentrados em um local específico, dentro das áreas de serviço da companhia, nas proximidades da Av. Major Cícero de Goes Monteiro.

A área, que já estava com algumas atividades paralisadas para evitar interferência na coleta de dados, foi isolada preventivamente e em cumprimento às ações definidas nos protocolos da companhia e da Defesa Civil. Essa é uma medida preventiva enquanto se aprofunda a compreensão da ocorrência.

A Braskem segue acompanhando de forma ininterrupta os dados de monitoramento, que são compartilhados em tempo real com a Defesa Civil Municipal”.

 

Notícias relacionadas