Festa Pomerana

FOTOS: 39ª Festa Pomerana tem sua abertura oficial na noite da última quarta-feira (10)

O cerimonial iniciou por volta das 20h30, no Pavilhão Principal do Parque Municipal de Eventos, palco da festa, que ocorre até o dia 21 de janeiro.

11 de janeiro de 2024

Foto: Kaio Duarte/JP

A hora de brindar a 39ª Festa Pomerana, finalmente chegou.

Na noite da última quarta-feira, dia 10 de janeiro, foi realizada a abertura oficial da Festa Mais Alemã do Brasil, que chega em sua trigésima nona edição.

O cerimonial iniciou por volta das 20h30, no Pavilhão Principal do Parque Municipal de Eventos, palco da festa, que ocorre até o dia 21 de janeiro.

Autoridades se fizeram presentes e puderam ver de perto os momentos iniciais que abriram mais uma edição da Festa Pomerana. A abertura contou com a belíssima apresentação da Banda Municipal Die Originalen Rega Bläser, apresentação dos Clubes de Caça e tiro pomerodenses e uma pequena exibição da atração Fackelzug und Küchenmarsch. Nesta apresentação, foi feita a dança da integração, onde as autoridades e o público puderam participar e se divertir.

Em um momento da abertura, foi realizado um momento recheado de grandes emoções. A ex-vice-prefeita e ex-secretária de turismo de Pomerode, Gladys Siwerdt recebeu uma homenagem pelos serviços prestados ao município, ao longo dos anos.

Foto: Kaio Duarte/JP

Logo após os discursos, foi feita a famosa sangria do barril de chope, sendo declarado, oficialmente, aberta a 39ª Festa Pomerana.

O Senador da república, Jorge Seif, esteve presente no evento. Ele falou sobre a importância da manutenção da cultura, não somente na festa.

“Pomerode tem um povo que faz as coisas acontecerem. A comunidade pomerodense faz Santa Catarina se destacar no Brasil. Pomerode tem 14 clubes de caça e tiro para 34 mil pessoas. Um lugar com uma boa saúde, excelente educação e uma boa gestão. A gente vê aqui muitas famílias, e isso é importante para manter as tradições dos nossos povos originários”, conta.

Senador Jorge Seif se fez presente na abertura oficial. Foto: Kaio Duarte/JP

Napoleão Bernardes, deputado estadual de Santa Catarina, também ressaltou que Pomerode é uma referência estadual em turismo e enalteceu a organização da cidade e também os cuidados para que as tradições não se percam ao passar dos anos.

Deputado Estadual Napoleão Bernardes participou da Dança da Integração. Foto: Kaio Duarte/JP

“Pomerode é uma alavanca para o turismo de Santa Catarina e também do Brasil. É a cidade xodó do nosso estado e faço questão de vestir a camisa de Pomerode. É uma cidade que é referência e merece todo o seu reconhecimento por tudo”, comenta o deputado Napoleão

O Deputado Federal Gilson Marques, representante da cidade na Câmara dos Deputados, em Brasília, cita que a Festa lhe traz boas lembranças e falou sobre sua ligação com o evento.

Foto: Gilson Marques em seu discurso, durante a abertura. Foto: Kaio Duarte/JP

“Desde criança, a gente sentava na mesa e agradecia a mesa farta. Um dia, brinquei com meus pais ‘poxa, não está tão farta assim’ e ele respondeu ‘mesa farta não são as coisas que têm para comer e sim as pessoas que você compartilha o alimento’. Então, a Festa me traz nostalgia, pois acabo encontrando meus amigos de longa data. E, percebo que quanto mais fico em Brasília, mais eu gosto de Pomerode” , relata.

O Vice-prefeito e Secretário de Turismo da cidade de Pomerode, Chico Hass, conta que foram dias de muito trabalho para que tudo pudesse acontecer da melhor forma possível. Ele também deseja que o evento seja, mais uma vez, um sucesso de público.

“É um trabalho que envolve muitas mãos para que tudo possa acontecer. Ficamos dois anos sem a realização da festa, por conta da pandemia e poder ver, mais um ano, tudo acontecer, é muito gratificante. A Festa Pomerana é um orgulho da nossa cidade e poder ver os pavilhões cheios, com muitas pessoas se divertindo, é algo que nos deixa orgulhoso. As expectativas para este ano são as melhores possíveis”, conclui Chico Hass.

Foto: Kaio Duarte/JP

Já o Prefeito Ércio Kriek falou que a Festa também celebra os 200 anos de imigração alemã no país e os 65 anos emancipação político-administartiva da cidade de Pomerode.

“Mais uma vez, chegamos em mais uma Festa Pomerana. O evento é uma grande oportunidade de estarmos aqui, para comemorarmos o aniversário do munícipio e celebrar as nossas tradições que são nosso patrimônio. E neste ano, de uma maneira especial, temos mais motivos para comemorar. Além de celebrarmos os 65 anos da cidade, também temos os 200 anos de Imigração Alemã no Brasil. Isto merece ser comemorado e esperamos que tenhamos um evento muito bom, até o dia 21 de janeiro”, relata Ércio.

Foto: Kaio Duarte/JP

O vereador Cleyton Utech, popular Bolota, comenta que a Pomerana é um símbolo pra Pomerode e que o evento se diferencia de outras festas locais.

“É o nosso símbolo! Uma vez, convidei um amigo meu, que não participava de festas, há anos. Ele não queria vir e eu insisti ‘pode vir que aqui é diferente!’. E não teve outra, ele veio e ficou encantado com o evento e prestigiou bastante. Por isso que a Festa Pomerana se diferencia de outras da nossa região, por toda a manutenção da nossa cultura”, finaliza.

Foto: Kaio Duarte/JP

Notícias relacionadas