Esporte

Buscando sua afirmação no mundo das lutas

Misael Belchior representará Pomerode no SC In Combat, em Joinville.

3 de setembro de 2022

Foto: Divulgação

Neste sábado, 03 de setembro, um morador de Pomerode irá representar as cores de nossa cidade, na 6ª edição do SC In Combat. A partir das 17h30min, Misael Belchior, da Check Mate Pomerode, vai enfrentar Toni da Penha (Chute Boxe Rio d’Oeste), pela categoria MMA Pro Peso Leve. O confronto ocorre na Associação Santa Helena, em Joinville.

Com uma grande experiência dentro das artes marciais, Belchior vem se preparando, de maneira especial, para o evento. “Como eu trabalho à noite, então, treino pela manhã, depois do trabalho, e na parte da noite, depois do estágio, antes de ir trabalhar novamente. Geralmente, na semana da luta, faço uma dieta para pesagem, com bastante salada e ovos, numa alimentação mais balanceada, a fim de ‘cortar’ o peso”.

Belchior, que tem 27 anos, já participou de cerca de 15 campeonatos, sempre com grande destaque, tanto no Jiu-Jitsu, quanto no Muay Thai e no MMA.

“Em 2010, fiz minha primeira luta. Desde pequeno, sempre fui muito envolvido em vários tipos de esportes, tanto que aos 15 anos comecei na musculação e, na época, fui convidado para uma aula experimental de Jiu-Jitsu. Aí começou minha paixão e a modalidade abriu portas para conhecer novos tipos de lutas, dentre elas, o Muay Thai, o Boxe e o MMA. Desde então, nunca mais parei. O esporte abre caminho para muitas pessoas e muda a vida delas. Acredito que estar inserido neste meio é muito gratificante, cada luta, cada medalha conquistada, tudo que aprendi e o que ainda vou aprender”, destaca.

Inclusive, ele acrescenta que o Jiu-Jitsu é a área em que mais se identifica. “É como estar jogando xadrez, você movimenta as peças, até o cheque mate. É uma luta que requer controle, técnica e estratégia”.

O atleta, que está cursando Educação Física, diz que se inspira em todos os lutadores que enfrentou, pois o fizeram crescer, evoluir, avaliar erros e acertos, em cada luta.

 

Foto: Divulgação

 

“A motivação vem de dentro de mim, de ser melhor, a cada dia, buscar sempre minha melhor versão, me cercando de pessoas que despertam em mim o melhor. Minha inspiração, são todos com quem cruzei nos ringues, todos os meus treinadores e as pessoas que torceram por mim”.

Nascido em São Paulo, Belchior pretende abrir um centro esportivo em nossa cidade, que possa desenvolver as artes marciais, para todas as idades, e mostrar que não é violência que vemos nos ringues, mas sim, disciplina. “Faz cinco anos que estou em Pomerode e espero continuar bem representando esta cidade, como um lutador e, também, como cidadão”, finaliza.

 

Notícias relacionadas